O que o BBB nos ensina sobre vivências culturais

O-QUE-O-BBB-NOS-ENSINA-SOBRE-vivencias-culturais

Apesar de comentarem por todos os lugares que esta edição do Big Brother Brasil não está das melhores, ela continua trazendo muito bem a riqueza que eu admiro muito: a oportunidade de fazermos uma imersão em culturas distintas. Coincidência ou não, esse tema tem muito a ver com o objetivo do meu projeto e após uma reflexão profunda resolvi trazer para você o que o BBB nos ensina sobre vivências culturais. 

São apenas alguns minutinhos de leitura, mas que farão todo sentido para você que, assim como eu, ama viajar.

Viagem e Big Brother Brasil

Antes de mais nada, vale a pena falarmos sobre algo interessante. Quando viajamos para algum destino, nós não fazemos isso para ficarmos trancados nas quatro paredes de um quarto.

Nós até fazemos isso, mas esse não é o objetivo final. 

Na verdade, esse é o momento em que conhecemos novas culturas, que visitamos locais que tanto sonhamos e que nos desenvolvemos em diversos aspectos a partir do contato com pessoas com vivências diferentes da nossa.

Agora, mudando para o universo do Big Brother Brasil. Você percebe que os participantes e também os telespectadores – é claro – têm a oportunidade de viver muito disso que comentei dentro do reality show?

Pessoas de diversos locais do Brasil, com gostos e culturas distintas, ficam por aproximadamente três meses na mesma casa sentindo os ônus e bônus dessa troca cultural.

É por essas e outras que o BBB nos ensina e muito sobre cultura, e cabe a nós aproveitarmos essa experiência por meio dessa perspectiva.

O que o BBB nos ensina sobre cultura e gastronomia

Eu nem vou dar tantas voltas e vou direto para o assunto que mais me encanta: a gastronomia.

Os participantes ficam encarregados de cozinhar com os ingredientes do Vip ou da Xepa suas refeições do dia a dia.

Além disso, eles têm momentos especiais que recebem uma série de pratos incríveis preparados pela produção do programa. 

Como cada um deles vem de um lugar do país, o BBB nos ensina na prática como a gastronomia e a relação com o alimento muda de um lugar para o outro.

Na edição do ano passado, por exemplo, a campeã Juliette Freire fez diversas receitas típicas do nordeste brasileiro, dentre elas a Rabada com cuscuz nordestino.

E seus colegas tiveram a oportunidade de provar a refeição preparada pela participantes, promovendo a troca cultural que tanto valorizo ao longo das minhas viagens.

Mas, esse destaque para a culinária não para por aí, tanto é que a Globo criou uma página Receitas do BBB que tem feito um grande sucesso. E vale a pena dar aquela espiadinha 😉

O que o BBB nos ensina sobre convivência

Quando falamos sobre trocas culturais, o BBB nos ensina e muito sobre o convívio com pessoas de culturas diferentes.

Aliás, os ganhos através da diversidade é um dos destaques do reality show e todo mundo aprende um pouco com cada um dos episódios.

É nessas oportunidades que aprendemos sobre jargões, expressões e gírias de diferentes locais do país. 

Mas, não vou romantizar completamente essa troca: as diferenças também geram conflitos, os quais também são comuns quando passamos muito tempo em um destino com realidade cultural diferente da nossa.

Mas o BBB nos ensina também que quando praticamos o respeito e a empatia, é possível ter uma convivência muito mais harmônica. 

E é claro que isso fica muito fácil quando não temos um prêmio de 1,5 milhão de reais em jogo.

Para você, o que mais o BBB ensina sobre vivência cultural? Conte para nós nos comentários, para ampliarmos ainda mais essa reflexão. 

Nos vemos no próximo post!

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments