Sabia que se pode comer lagarta? Comida típica da Namíbia

Sabia-que-se-pode-comeR-lagartaComida-típica-da-Namíbia

Eu experimentei a lagarta comestível da Namíbia e nesse texto conto a experiência e o que eu achei!  

Dentro da minha realidade do dia a dia, comer insetos parece novidade. 

Mas já tem anos que um amigo fala que o alimento do futuro é o grilo, inclusive já é produzido em escala porém com custo por quilo ainda alto. 

Se para mim é uma realidade distante, para boa parte da população mundial faz parte do dia a dia, sendo fundamental para sobrevivência em lugares extremos. 

A lagarta comestível da Namíbia é um exemplo desses. Logo que cheguei em Swakopmund fiz um passeio para conhecer comunidades locais. 

Já na primeira parada, em um pequeno mercado a céu aberto, já vi a popularidade dessa iguaria que é vendida desidratada na rua mesmo. 

A vendedora ficava com um cesto enorme cheio de lagarta comestível. 

Quem sou eu

Rodrigo Schmiegelow, publicitário especializado em Marketing Digital, hoje vivo como Nômade Digital, isso é, tenho liberdade geográfica e trabalho de qualquer lugar do mundo.

Iniciei uma viagem pelo mundo para conhecer lugares, culturas e culinárias regionais e vou trazer grandes surpresas a partir dessas experiências.

Siga o blog do Projeto O Mundo em Lanches pelo Instagram e acompanhe todas as novidades.

Onde comer lagarta na Namíbia? 

Eu encontrei pelo Tripadvisor o passeio para conhecer comunidades locais e fui buscar esse passeio nas agências da região. 

É um passeio muito comum em Swakopmund e facilmente encontrado. 

lagarta-comestivel
lagarta comestível

Um tour de três horas que inicia pelo mercado onde vende a lagarta comestível desidratada e o espinafre desidratado também, depois o tour entra na comunidade – vale ler essa matéria, para parar em uma casa de um artesão e finalizar em um restaurante onde fazem as mesmas iguarias que vimos antes no mercado. 

Conheça outros pratos da culinária típica da Namíbia nesta matéria

Apesar de parecer estranho, é um passeio muito interessante de fazer. 

Aqui encontrei um tour desses, mas o valor está alto, por lá consegue mais barato. 

Qual o sabor da lagarta Comestível da Namíbia?  

A refeição do restaurante era bem completa. 

Além da iguaria principal também foi servido um prato com farinha de milho estilo fubá, o espinafre desidratado cozido e peito de frango. Tudo muito gostoso. 

O carro chefe da casa não apeteceu as meninas que fizeram o passeio comigo, mas logicamente eu experimentei. 

E é gostoso viu! Antes de desidratar eles tiram as tripas e o muco interno, então depois de refogado a Lagarta Comestível da Namíbia fica bem crocante e saborosa, ligeiramente salgada, ótima também como um petisco!

E você, qual foi o prato mais diferente que já experimentou? 

Quer mais dicas de gastronomia regionais? Deixe seu nome e email e acompanhe as novidades de O Mundo em Lanches! 

O que são as lagartas que se comem na Namíbia? –  lagarta comestível

O verme mopane é na verdade a forma de Lagarta da Mariposa Imperador (Gonimbrasia belina), que vive quase toda a sua vida na Árvore de Mopane.

Uma linda árvore com os galhos bem espaçados, folhas grandes e fruto de mesmo nome.  

A mariposa põe seus ovos nas folhas desse tipo de árvore, e as larvas devoram desde o momento em que eclodem. 

Depois de literalmente comer até estourar, isso é mudar de pele, o que acontece entre quatro a cinco vezes, os vermes estão prontos para serem colhidos e desidratados antes de fazerem o casulo e virar mariposa.

Após colhido, a lagarta comestível da Namíbia é aberta em uma extremidade e espremida para expelir uma massa verde vibrante de folhas e vísceras semi digeridas. 

Caso os restos de folhas sejam deixados nos vermes, eles ficam com um sabor levemente semelhante ao do chá. 

O corpo vazio da lagarta é então conservado, seco, defumado e/ou frito de acordo com os gostos específicos do indivíduo. 

Você encara essa experiência gastronômica? O que acha de comer lagarta?

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments