You are currently viewing Pedra da Macela, um incrível lugar para uma noite de acampamento
Pedra da Macela - um incrível lugar para uma noite de acampamento

Pedra da Macela, um incrível lugar para uma noite de acampamento

A Pedra da Macela é um bom lugar para uma noite de camping, uma montanha brasileira que fica localizada, exatamente, na divisa entre os estados de São Paulo e Rio de Janeiro, na Serra do Mar, parte da Mata Atlântica.

Ela apresenta 1840 metros de altitude e 2 quilômetros de subida até seu topo – trecho que tem que ser feito a pé.

Leia Viajar e trabalhar: como conciliar os dois?

Minha experiência

Saindo de São Paulo

Realizei essa viagem com meu irmão mais novo, o Matheus. Na época eu morava no centro da cidade de São Paulo e ele na Zona Leste, então ele dormiu em casa para partirmos logo quando o sol raiasse. 

E fizemos assim, bem cedinho nós partimos para a estranha, na época eu tinha uma moto no estilo naked, carroceria que não é nem um pouco feita para viajar.

A viagem levou cerca de 6 horas porque fomos fazendo algumas paradas ao longo do caminho até finalmente chegarmos na Pedra da Macela.

A chegada na Pedra da Macela 

Chegando lá, descobrimos que não poderíamos ir ao topo da montanha de moto, chegamos ao ponto máximo possível entrar com transporte próprio, estacionamos por ali e tivemos que ir andando.

O caminho é bem bonito – começa em um trecho com árvores mais altas que vão diminuindo conforme mais alto estamos.

O problema foi que nossa viagem não era apenas para acampar, íamos passar mais uns dias em Ubatuba e depois no Guarujá, então estávamos com mais bagagem do que deveríamos para essa caminhada e não foi possível deixar na moto por motivos de segurança mesmo. 

Chegamos fatigados no topo da montanha, mas valeu a pena, a vista é linda, pra onde você olha tem um canário de tirar o fôlego, e não só por causa da subida, rs. Em um dos lados é possível avistar a o litoral – conseguimos ter essa visão por menos de 5 minutos pois, de repente, a neblina subiu e ficou tudo branco. 

Vimos um lindo pôr do sol avermelhado por entre as nuvens criando aquele cenário de profundidade nas montanhas que era possível avistar no horizonte, e a escuridão chegou, por ser o topo da montanha, não tinha nenhuma fonte de luz, então era muito escuro.

por-do-sol-no-topo-da-montanha
pôr do Sol

Ficamos para acampar, e mais uns grupos também ficaram por lá, então foi até que tranquilo. 

De noite fazia bastante frio e infelizmente o céu estava com neblina com uma chuva leve, uma pena pois não deu para ver as estrelas e a lua.

A despedida da Pedra Macela

Fomos embora com toda nossa bagagem logo cedo, e por estar muito pesado, foi difícil descer a montanha de uma vez, mas conseguimos.

por-cima-das-nuvens
por cima das nuvens

Nossa viagem não acabou por aqui, ainda passamos rapidamente em Paraty, no Rio de Janeiro, passamos uma noite em Ubatuba e logo depois descemos o litoral de moto, com uma vista fantástica o caminho todo pela Estrada Rio Santos, até chegarmos no Guarujá, onde nossa família estava passando o feriado.

A viagem foi muito boa, mas acredito que meu irmão ficou um pouco traumatizado de viajar de moto.

Acima de tudo, foi divertido conhecer e, se tiver vontade, acampar na Pedra da Macela, valeu muito a pena.

Conhece a Pedra da Macela? Conta pra gente sua experiência por lá!

Recomendo que leia lugares incríveis de holambra

Quem sou eu?

Antes de continuar deixei eu me apresentar. 

Rodrigo Schmiegelow, publicitário especializado em Marketing Digital, hoje vivo como Nômade Digital (o que é isso), isso é, tenho liberdade geográfica e trabalho de qualquer lugar do mundo.

Iniciei uma viagem pelo mundo para conhecer lugares, culturas e culinárias regionais e vou trazer grandes surpresas a partir dessas experiências.

Siga o blog do Projeto O Mundo em Lanches pelo Instagram e acompanhe todas as novidades.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments